Apoiam este projeto:

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Você viu este homem?

"Desapareceu no dia 21 de fevereiro, por volta das 19 horas, o senhor Onir de Assunção Silveira, 58 anos. Ele tem problemas mentais e dificuldade de se comunicar e de se localizar, já foi procurado nos locais de costume e não foi encontrado.Algumas pessoas informaram que podem ter visto nas proximidades da Polícia Rodoviária Estadual para os lados de São Francisco. 

Vestia calça preta e camisa branca e portava uma bíblia. Quem tiver visto ou tiver alguma informação favor entrar em contato com a Brigada, pelo fone 190. A família está desesperada e pede a ajuda da comunidade. Desde já, agradecemos."
Elen Batista Flores

7 comentários:

  1. Respostas
    1. Se vc si perder vai querer q alguém te ache ? Ou já é perdido mesmo?

      Excluir
  2. não digo. sempre tem um abobado pra tentar fazer graça com os problemas dos outros.a familia preocupada em achar o familiar e esse abobado dizendo q viu o senhor no nova pauta.não tem o q fazer?

    ResponderExcluir
  3. Para pessoas más,o mundo dá muitas voltas,não desejo a você o que estamos passando,pois estamos muito preocupados sem saber se ele está vivo ou morto,principalmente pelo motivo de ele ter problemas mentais e não conseguir se expressar com facilidade,peço as pessoas boas de coração que se tiverem alguma notícia liguem para a brigada 190.Por favor publiquem, da mesma forma que publicaram comentários que zoam do sofrimento alheio.

    ResponderExcluir
  4. Que absurdo!! pessoas zombando do sofrimento de um semelhante..depois acontece coisas ruins pra essas pessoas, e nós, de bom coração ainda ficamos com pena deles.
    Bah conheço esse senhor há vários anos,mas nunca mais o tinha visto,
    Deus ajude que o encontrem bem...

    ResponderExcluir
  5. Infelizmente não escolhemos a forma como viemos ao mundo. O senhor desaparecido, "Onir Assunção Silveira" sofre de problemas de saúde mental, não está portando documentos, toma medicamentos controlados,e, somente o compreende na fala ou na expressão oral os familiares mais próximos. Nem sequer dinheiro pode carregar consigo, porque não reconhece e pelos perigos que a vida oferece quando sai para ir a igreja. Estamos desesperados sim. Desejamos que as pessoas "sem noção" que não o conhecem pessoalmente não brinquem com o nosso sofrimento. Sou um simples ser humano, mas acredito na justiça divina...

    ResponderExcluir
  6. Menos mal que a maioria das pessoas estão sendo solidárias ao nosso problema, porque entendem que não estão livres de um dia ter um familiar com um problema tanto quanto o nosso.

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta