Subscribe:

Apoiadores:

terça-feira, 22 de março de 2016

Corsan: a revolta continua

Santiago - "Fiquei três dias sem água e, após tudo isso, achei que o serviço seria normalizado, porém, quando abri a torneira, o que saiu dela? Isto! E a responsabilidade é de quem? A quem devemos recorrer? E a administração pública, o que está fazendo em relação a isso? Só o que funciona com perfeição é serviço de cobrança. As leis só valem se você não pagar as contas." (Clairton Pivoto -  bairro Itu) 

5 comentários:

Cassal Machado Brum disse...

Estamos sendo tão maltratado pelos poderes Públicos que Não estamos mais aquentando. Se fosse noutro pais, o setor que Não funciona Demite e pronto. Assim como no setor privado o funcionário que não produz é demitido assim deveria ser no Público.

Anônimo disse...

A Corsan tinha que ser multada pelo desserviço quem prestando para a cidade de Santiago.

Anônimo disse...

Pelo atraso da previsão que a Corsan fez do serviço a ser efetuado em 1(um) dia deveria ser Multada, pois, só assim irão respeitar a população Santiaguense, uma vez se atrasarmos o pagamento da conta de água e Esgoto temos que pagar juros e a Corsan deveria ter que pagar multa e juros pelo atraso para com a população, pois, a população não tem culpa da falta de previsibilidade da Corsan.

Anônimo disse...

Vamos pagar nossas contas de Água conforme a cor que a recebemos, se no final do mês a Corsan estiver com saldo negativo já sabe que a água não teve qualidade para a população, pois, ela deve ser Inodora e límpida.

Carlos Nascimento disse...

Falou corretíssimo o Clairton Pivoto: AS CONTAS E COBRANÇAS SEMPRE ESTÃO SOB CONTROLE por lá... de resto, sem comentários!

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta