Apoiam este projeto:

segunda-feira, 14 de março de 2016

Salário parcelado não é legal


Estado - Na última quarta (9), uma liminar do Tribunal de Justiça do RS determinou que os salários dos servidores da segurança não podem ser parcelados. A decisão se baseou na constituição, que estabelece: “A remuneração dos servidores deve ser feita até o último dia do mês de trabalho”. O governo aceitou a liminar, porém ela ainda está sendo estudada. 

Luta do sindicato – O sindicato dos policiais civis quer uma audiência com o governador Sartori para entregar o mandado de segurança sentenciado em 2007. Nele foi declarado que os policiais não receberiam salários parcelados. Caso essa sentença seja descumprida, Sartori responderá por crime de responsabilidade. 

2 comentários:

  1. O salário do governador é parcelado?

    ResponderExcluir
  2. Venho me perguntar em que mundo vivemos nos dias de hoje.
    O que esta acontecendo com a situação de salarios do estado,
    isso não se justifica , eu paguei imposto de carro , to pagando,
    de luz ,água ,telefone, comida e assim se vai pago para meu filho
    estudar ter saúde e o minimo de segurança pública e não posso atrasar
    que vem corte e juros.
    Tem que parar mesmo, parar não tem que ir buscar seus direitos.
    Sou autônomo, mas sou contribuinte da mesma maneira.
    Meu Deus cade o dinheiro dos impostos .
    Tem que dar razão a indignação do povo .
    Ta na hora de se acordar .
    Cade a justiça , cade direitos humanos numa hora dessas.

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta