Subscribe:

Apoiadores:

segunda-feira, 18 de abril de 2016

As pérolas da câmara e o...

...homenzinho incomodativo


(J.Lemes)
A câmara de Santiago segue na mesma, na UTI da demagogia. Sandro Palma (PTB) só sabe elogiar o prefeito Ruivo. Me tapo de nojo! Disse que Santiago é a única a manter pousada para os pobres em Porto Alegre.

Palma sempre chama do Marcelo de "Goski". Como todos fazem. Só tem um que não diz "Goski", é o próprio Marcelo Gorski.

Hoje Palma ainda chamou a presidente de Dilma "Russeti". E ao acusar a todos lá no governo, adivinhem quem se arpoou e começou de grito? Quem? Só faltou a cuspida na cara.

Depois, Palma fez uma cosia que nem Ruivo faria: elogiou secretária Ana Souto.

Já o galo Macir (PMDB) não olha para partido. Reclamou que falta boca-de-lobo na frente da casa do... sabe de quem? Do prefeito, ora!

Marion (PT) lançou no ar que o prefeito Ruivo vai atrasar o pagamento dos servidores e acusou Pelé de ter dito isso.

Pelé (PP) lamentou por existir na câmara uma pessoa tão mal-intencionada como o Marion, que joga bola nas costas, e o chamou de mentiroso (de novo mais uma vez). "O que este homenzinho fala de mentira, querendo jogar pessoas honestas contra a comunidade”...

Iara Castiel (PT) quer saber que rolo é esse de não ter rotativo na Benjamin, ali por perto da Rádio Santiago. "Não que eu seja a favor de rotativo, mas quero saber se não há algum beneficiário por ali".


Obs. Num país onde tudo é no jeitinho, quem duvida é louco, dona Iara, Bem louco! Muito Louco!

9 comentários:

Anônimo disse...

A Secretária Ana Souto é a legitima pérola do Prefeito.

Anônimo disse...

Isso não são pérolas, é a descrição hipócrita de um grupo de pessoas que se lançou e conseguiu assumir uma casa tão importante para Santiago, porém, suas contribuições são DUVIDOSAS pelo que demonstram ser na vereança, em ação. É lamentável que discutam, esbravejem e mostrem o quanto são primários e desorganizados! Santiago não merece isso que se apresenta...

Anônimo disse...

E pensar que recebem salário para isso! e não é pouco, que vergonha!

Anônimo disse...

Quem sabe esse bando de vereador acerte o foco... e parem um pouco de se ofender e acusar uns aos outros... e centralizem as suas forças em ajudar a comunidade em geral... no mínimo votando os projetos.

Anônimo disse...



Caro João Lemes,



Gostaria que tu como jornalista conferisse o tal "Estacionamento Rotativo" e a relação jurídica entre à empresa e o Munício de Santiago através da Jari. A lei municipal nº 99/2009, artigos 9º e 10, disciplinam o tempo máximo permitido de estacionamento, para após, ultrapassado o limite de 2 horas, aplicar multas com a presença do Agente de Trânsito (guarda municipal) com o veículo guinchado.

A Resolução Cetran-RS, nº 45/2011, artigos 2º e 3º, VEDAM, que à Jari Municipal aplique multas à distância, e/ou transforme em NOTIFICAÇÕES DE AUTUAÇÃO DE TRÂNSITO a mera INADIMPLÊNCIA do estacionamento rotativo, ou seja, o simples ato de NÃO pagar o valor de R$ 1,10 e R$ 13,50 (Tarifa Pós Utilização), não autoriza à Jari de transformar em multas punitivas, elevando para R$ 127,69, e a perda de 5 pontos na carteira.

Portanto, existe uma relação "promíscua" entre a Prefeitura e à Jari, em face da arrecadação confiscatória das multas de trânsitos, aplicadas de forma ilegal, porém, quando impugnadas junto à Jari, esta, reoconhece administrativamente a aplicabilidade ilegal e indevida.

Haverá uma Ação Civil Pública para que a Resolução nº 45/2011, seja cumprida pela Jari.

No demais, agradeço.

Anônimo disse...

é claro que há .. .Valdir ...

Anônimo disse...

Infelizmente a Câmara Municipal de Santiago segue os trâmites da Câmara dos Deputados, UMA VERGONHA.
Espero que nas eleições municipais o eleitor saiba definir o bom candidato político que irá fazer o seu verdadeiro trabalho daquele puxa-saco, empreguista,etc.

Anônimo disse...

Isso que tem lá no meio até professora, mas perdem a linha como se fossem um bagaceiras de vila! Postura, correção e alinhamento PRIMEIRO para as pessoas deles mesmos, depois competência.

Anônimo disse...

Ajude esses vereadores trabalhar em 2017, NÃO VOTE EM NENHUM DELES. A lei da licença paternidade de 20 dias só não está valendo pra funcionario publico pq esses vereadores não adeguaram a lei ainda , mas bater boca e jogar conversa e dinheiro publico fora eles adoram.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta