Apoiam este projeto:

sábado, 2 de abril de 2016

O resultado das bebedeiras


Santiago – Trago e direção não combinam. Mas tá difícil certos "motoristas" colocarem isso na cabeça. Na manhã deste sábado houve mais um acidente na Pinheiro Machado, em frente ao diretório do PP. Mauro Ricardo Quadros Martins, 46 anos, dirigia uma S10, e na esquina com a Treze de Maio bateu num Uno, avançou e bateu em mais dos carros parados, sendo que um Gol ficou destruído. Ele apresentava sinais de embriaguez, não quis soprar o bafômetro e tentou fugir do local do acidente. Mauro acabou preso e levado para a Delegacia. Lá, pagou fiança de 1.500 e foi liberado. Ninguém se machucou.


OBS: Ali nas proximidades já deu outros acidentes graves, um deles (no dia 1º de janeiro) causou a morte da doméstica Graciéli Silva da Silva por atropelamento. Em todos os casos os motoristas envolvidos haviam bebido.

Relembre os casos clicando abaixo.
ACIDENTE 1
ATROPELAMENTO GRACIÉLI

4 comentários:

  1. Hoje em dia tá fácil, vc bebé sai desmancha meia dúzia de carros daí vai pra delegacia paga mil e sai com tranquilidade .

    ResponderExcluir
  2. Ate quando vai essas borracheiras por ai!!!!! Não da mais autoridades locais, estou enchergando a arvore onde faleceu aquela menina que foi arremessada no acidente do dia 1 deste ano e agora de novo, será que vão esperar acontecer outra tragedia para tomrem providencias!! E o delegado de plantão só dar R$ 1.500,00 de fiança, por favor senhor delegado será que a vida vale tão pouco.

    ResponderExcluir
  3. isso nunca vi mudar ,a lei nao funciona. e o ser humano so respeita o que ele teme .....brasil impunidade total.......

    ResponderExcluir
  4. Ainda ouvi em uma emissora de radio q isso fazia parte da Cultura de Santiago. descordo totalmente isso faz parte sim da impunidade pq não da nada mesmo se tem dinheiro para pagar a fiança pode se seguir batendo estragando causando danos q não da nada.

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta