Subscribe:

Apoiadores:

quinta-feira, 12 de maio de 2016

Dilma diz que foi injustiçada


Instantes depois de receber a notificação de seu afastamento por 180 dias, a presidente Dilma se pronunciou à imprensa na manhã desta quinta.

Ela voltou a repetir o discurso de golpe e classificou o processo de impeachment como fraudulento. Disse também que a decisão do Senado de afastá-la vai contra a vontade de 54 milhões de eleitores.

"Não cometi crime de responsabilidade, não há razão para o impeachment. É a maior das brutalidades que podem ser cometidas a qualquer ser humano, ser punido por um crime que não cometeu. Posso ter cometido erros, mas não cometi crimes".

2 comentários:

Anônimo disse...

ainda se ve gente que defende essa mulher muito triste o que virou nosso brasil nas maos do pt .........

Anônimo disse...

concordo dilma nao foi nem de perto uma media presidente sobre a esquerda concordo eles atraves da luta armada queriam comunizar o brasil cuba e uniao sovietica bancavam os grupos de guerrilha. e os militares tem a ficha criminal de dilma em um cofre esses tempos atraz quiseram abrir mas nao deixaram .a lista de pessoas mortas pela guerrilha e grande so que para o exercito isso e aguas passadas mas se sabe que a coisa era preta os comunistas estupraram roubaram assaltaram e mataram muita gente tambem..tchau querida ...

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta