Apoiam este projeto:

segunda-feira, 11 de julho de 2016

Devemos 50 bilhões

Estado - Enquanto alguns criticam o governo pelo rombo no Estado, Sartori diz que não usa falar mal dos antecessores. Nem precisa, ou quem sabe foi Sartori que deixou a dívida com o governo federal chegar a 50 bilhões, fazendo do RS o maior devedor?
Agora o Estado teve que doar terra para que o país assente famílias rurais. A causa é boa, muito boa, mas lá se vão mais uns pilas das algibeiras dos gaúchos. Pior é que esse montante não faz nem cócegas nos 50 bilhões que devemos.
Não estamos defendendo partidos, apenas fazendo uma constatação.    

3 comentários:

  1. Os deputados Cagãos pressionado pelos Funcionários do Judiciário irão Derrubar Hoje o veto do Sartóri. Tirar dinheiro da onde pra pagar gordos aumentos?? ja sei de mais impostos. Enquanto funcionários públicos ganharem mais que um Governador será isso no estado, essa catastrofe,

    ResponderExcluir
  2. nossa 50 bilhoes ,esses treze anos de pt que a midia vendeu nao parecem ser esses treze anos que realmente estao vindo a tona ,especialistas afirmam que vai anos para nos recuperar ,imaginem a hora que os decretos comunistas do bnds forem abertos dai sim a coisa vai pega fogo pois foram bilhoes dados para paises comunistas....

    ResponderExcluir
  3. Se tu fores procurar se informar, esta dívida deu um salto no governo do senhor Antônio Britto que reparcelou a dívida do estado assumindo juros contestados hoje pelo senhor Sartori. Governo do qual o Senhor Sartori fazia parte, o mundo dá voltas.

    Sei que meu comentário não será publicado, pois a censura é grande quando lhe convém.

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta