Apoiam este projeto:

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Sartori parcela de novo


Conforme anunciou a Rádio Gaúcha, os salários de servidores voltarão a ser parcelados no mês de julho. A confirmação pelo Palácio Piratini será na próxima semana. A folha será rodada na segunda-feira (25), mas o depósito será somente na sexta (29), que é o último dia útil do mês.

A tendência é que a primeira faixa a ser paga fique em torno de R$ 2 mil a R$ 3 mil. A definição vai depender de quanto ingressar no caixa do Estado até lá. Este é o sexto mês consecutivo de parcelamento dos salários dos servidores do Poder Executivo.

4 comentários:

  1. Os deputados sabem que o governo não tem dinheiro e mesmo assim aprovam o Aumento. Politicagem pura e mesquinha.Judiciário, Tribunal de Contas e Assembleia, os primos ricos do Estado. Por isso nossas estradas, saúde estão deste jeito. Enquanto pagarem 30, 40 50 mil pra funcionário publico, da nisso. Só deveria ganhar estes aumentos quem ganha pouco. Deputados covardes deixaram o Sartori só com o Pincel na mão.

    ResponderExcluir
  2. Além do aumento fora da realidade, vamos fazer um rodízio, o mês que vem o judiciário, no outro o legislativo recebem parcelado. No final do ano legislativo e judiciário fazem empréstimo pra o 13 salario, nós do executivo recebemos em dia. E assim sucessivamente até melhorar a situação do Estado. Isto sim é sermos iguais perante a Lei.

    ResponderExcluir
  3. kkkkkkkkk para o comentário acima!!!!!!

    ResponderExcluir
  4. Realmente, o rodízio no parcelamento do salário é uma excelente ideia. Todos os três poderes por um estado, um estado para todos!!!

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta