Subscribe:

Apoiadores:

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Um apelo em favor do sossego de todos


Santiago - A Brigada tem feito muitas autuações por som alto, embriaguez ao volante, direção perigosa. Cada final de semana sempre tem alguém envolvido numa ou duas dessas ocorrências.

Em certos lugares do centro é o barulho que incomoda os moradores, e há anos é assim... Caso da baderna perto do Posto Shell. O interessante é que nem um vereador, promotor ou outra autoridade resolveu dar jeito nisso.

A própria Brigada também poderia agir com mais severidade. Bastaria aplicar os bafômetros e revisar a documentação de quem estaciona nas imediações. Se fizer isso de forma sistemática, os bagunceiros terão que recuar, afinal, a dor será no bolso.

Muitos também questionam a serventia desses bares do tipo 24h para o progresso de Santiago, se apenas vendem bebidas e cigarros. E se essa venda reúne dezenas de jovens e até menores, o resultado é uma baita complicação à vida de todos na cidade. Esperamos que os futuros candidatos também debatam isso.

24 comentários:

Anônimo disse...

Olha, acredito que esses bares 24h seja para o lazer das pessoas, em todas as cidades existem lugares como esse, quem não quer que não more perto.

FROILAM DE OLIVEIRA disse...

Não revogaram a lei do silêncio? No centro de Santiago, a impressão auditiva de seu descumprimento me leva a duvidar de sua vigência.

Anônimo disse...

A perturbação do sossego já poderia ter acabado. Através da revisão do Plano Diretor e Código de Postura do Município. Ou mais fácil ainda, uma Lei do Executivo proibindo o funcionamento das Conveniências depois de determinado horário.

Anônimo disse...

É falta de vontade política, pra resolver essa baderna, mas Prefeitura, Promotoria e Poder Judiciário não conversam. Depois atiram toda a culpa nas costas largas da Brigada Militar. É mais fácil!

Anônimo disse...

O problema é OPERACIONALIDADE: posto de COMBUSTÍVEL é um perigo qdo mistura essa tal de conveniência... jovens cabeças-quentes que resolvem brigar e até dar tiros num posto de gasolina, álcool e diesel podem ACABAR COM QUARTEIRÕES COM TAMANHA EXPLOSÃO QUE PODE ACONTECER! Eu sempre pensei: isso é lugar de automóvel e não de vagabundos e idiotas que vão bebericar ali, num lugar de alta periculosidade.

Anônimo disse...

não acho que seria necessário colocar horário nas conveniências pq todos somos livres para fazer o quiser durante a noite e os jovens precisam se divertir mas tbm precisam ter responsabilidades por seus atos o q falta nessa Cidade e colocar redutor de velocidades em varias ruas q ainda sao perigosas como a do postos shell ate o ginasiao na osvaldo aranha na alceu carvalho e fazer mais barreiras daquelas de não passar nada durante a noite nos finais de semana.
aí quem sabe nossa cidade começaria a mudar para melhor

Anônimo disse...

A rua dos poetas ta uma " zona "
Ninguém mais aguenta a madrugada.
É som alto,gritos e tudo mais.
A polícia passa tudo acalma depois rola a bagaça novamente.
Pior é gurizada de skate na calçada parece o trem passando.
Políticos só prometem.

Anderson Fuzer disse...

Aqui no posto ao lado do centro materno por ex todos os finais de semana é som auto e corridas de carros até fé madrugada mas a brigada passa mas não resolve porque só saírem do local que volta a bagunça de novo. Como resolver só a pm não adianta tem que envolver o legislativo e o judiciário mas cadê eles

Anônimo disse...

Já pensou quando começar a esquentar?
Teremos o som altíssimo dos veículos; embriagues ao volante; carros rebaixados sem autorização do Detran, que ocupam a via em velocidade reduzida como só existissem eles;
Cadê a Guarda Municipal, que tem como uma das atribuições a fiscalização de trânsito? Isto se houver a sua regulamentação até 08 de agosto de 2016, depois o que será?

Anônimo disse...

e a chinelagem dando de goleada numa cidade onde impera a ma´vontade de punir de quem deveria por varios motivos enquanto isso os fihos de papai desfilam com suas boates ambulantes

Anônimo disse...

Tem bar que é conveniência que faz boate chegam a fechar a rua em frente ao Posto Esso e nunca teve fiscalização por parte ds Bombeiros , Brigada nem Prefeitura onde a baderna e brigas e nos vizinhos não podemos dormir

Anônimo disse...

Muito simples. Nas cidades em que possuem uma Câmara de Vereadores descente, comprometida com a população,existe legislação específica para o funcionamento das lojas de conveniência dos possos, das 06:00 as 24:00 hs.Só um vereador propor isto, e veremos quem é a favor ou contra o bem coletivo. Comer na mão dos donos de postos é fácil. ...

Anônimo disse...

Se não querem barulho, vão morar em Unistalda!

Anônimo disse...

Quem gosta de barulho de som automotivo, Estácio e o carro em frente a sua casa, ligue o som a todo volume, e curta com seus pais, irmãos e demais. Não vá pra frente da casa dos outros.

Anônimo disse...

Que saudade do Promotor Barbará!

Anônimo disse...

Quem gosta se som alto, vai pro meio do campo. Mas campo de sua propriedade. Ou conecte fones de ouvido no som e os coloque a todo volume, sem perturbar os demais.

Anônimo disse...

Muito bem fiquem na frente de suas casas com volume a toda, convide amigos e faça sua baderna na frente de sua casa, e diga a seus vizinhos, se eles não gostarem, que se mudem, e mais, atirem copos e garrafas, urinem no muro, claro da sua casa, e no outro dia mostrem pra família o que fizeram. Isso é curtir. E melhor, criem grupos para cada dia ser na frente da casa de cada de vocês. Muito bom né!!!?

Anônimo disse...

Infelizmente até passar as eleições vereador nenhum fará projeto estabelecendo horário para as conveniências, pois não querem correr o risco de perder votos para si e seus partidos.

Anônimo disse...

É simples é só estabelecer que a loja de conveniência encerre seu expediente as 22 hs

Anônimo disse...

A perturbação do sossego é qualquer horário do dia para isso basta a pessoa se sentir incomodada e chamar a policia, pois, esse negócio de dizer que é após as 22 hs já era, pois, nos dias de hoje qualquer horário é perturbador.

Anônimo disse...

A Brigada até faz sua parte, mas quem teria q tomar frente era a prefeitura, mas como hj estão implorando voto, nada vão fazer..

Anônimo disse...

vao se preocupar com os desvios de dinheiro publicos , roubos ,assaltos ,homicidios entre outras coisas mais importantes do que um simples som automotivo se estao encomodados vao morar na casa do caralho la nao tem barulho beijos me liguem fixa neles!!!!concerteza joao lemes nao publica mieu comentario ne boneco??

Anônimo disse...

Boicote aos Postos onde ocorrem as perturbações. Não abastecemos nestes locais, abastecemos nossos carros naqueles que ofereçam serviços realmente de postos de combustíveis. Certamente muitos vão rever seus posicionamentos.

Anônimo disse...

Deveria haver maior fiscalização e policiamento nesses lugares, mandar fechar as conveniências mais cedo não adianta nada, fizeram isso em SM e a única coisa que mudou foi que compravam as bebidas antes de fecharem pra se reunirem nos mesmos lugares de sempre, fazendo a mesma baderna de sempre.
E deveria era questionar a serventia dos políticos da cidade, que raramente fazem algo que preste, e não de um bar que ajuda no sustento dos que nele trabalham.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta