Subscribe:

Apoiadores:

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Os nervosos de Capão do Cipó


(J.Lemes)
Já vivemos anos mais tumultuados em eleições. Hoje é calmaria. Apenas alguns casos isolados se nota pela região, como em Capão do Cipó. Há pouco vi um anota do candidato a vice, Anselmo Cardoso sobre uns tiros que teriam dado num carro de seu amigo. Anselmo é um homem sério, não iria mentir. A única dúvida que tenho é sobre as intenções do atentando e se foi por motivação política. Anselmo assim relatou: 

"Estive a pouco visitando o seu Pedrinho e sua família no assentamento Nova Esperança onde ontem à noite o seu carro foi atingido por um tiro quase acertando as crianças que estavam no banco traseiro. Já haviam atirado por cima da casa de um companheiro nosso nesta semana. Lamentável isso chegar a esse ponto. Precisamos de segurança urgente! Tem coisas que eu não consigo entender; é apenas uma eleição, não uma guerra!"

1 comentários:

Anônimo disse...

Eu é que não vou para Capão do Cipó, pois, lá não podemos nem andar na rua que pode ter bala perdida ao nosso encontro, em período eleitoral.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta