Apoiam este projeto:

sábado, 25 de fevereiro de 2017

Luto no Expresso: morre o chargista Sidi


É com enorme pesar que a direção do jornal Expresso e equipe comunicam o falecimento do funcionário e colega Sidnei Garcia (Sidi), 50 anos, ocorrido nesta madrugada no Hospital de Caridade. O velório acontece na Capela Andres e o sepultamento será às 17h no cemitério municipal. Ele lutava há anos contra um câncer. Também nos últimos meses se tratava da diabetes.

Sidi foi um dos primeiros funcionários do jornal Expresso, começou na década de 90. Seu talento logo foi reconhecido e elogiado pelos leitores de Santiago e de toda região nas milhares de charges produzidas e publicadas no Expresso. Ele também era um ótimo publicitário, sendo responsável por boa parte das publicidades do jornal. Colega querido, pontual, pessoa tímida, reservada, mas com um enorme coração. Assim era o querido Sidi.

Sidi com os amigos Ligia Rosso, Márcio Brasil e Tainã Steinmetz.



As últimas charges do artista publicadas no Expresso.

6 comentários:

  1. Infelizmente as pessoas de bem se vão cedo, este ser humano era uma alma tranquila, uma pessoa nota 1000, deixará saudades. vá em paz amigo Sidi, Deus deve ter um lugar muito especial para você junto a ele. DREON

    ResponderExcluir
  2. realmente os bons vao cedo,mas um dia todos nos vamos morrer vamos apagar tipo dormir para a eternidade ,feliz daqueles que passaram por aqui e deixaram um mundo melhor um caminho bom para quem vai nascer ,gosto muito de cruzar por algum cemiterio as vezes quando acompanhado por alguem e dizer olha aqui nessas casinhas um dia nos vamos dormir isso e certissimo, talvez falte para o ser humano hoje em dia esse conhecimento de vida de que estamos de passagem aqui e vamos partir ,-JESUS SALVARA QUEM O SEGUIU BASTA EM VIDA SE ARREPENDER E PEDIR PERDAO A DEUS-exemplo ,o piloto da chapecoense em sua ultima palavra foi salvo pois ele clamou e disse jesus....*deus abencoe a todos* .

    ResponderExcluir
  3. Vai em paz amigo Sidi.
    Sidi tu foi um verdadeiro profissional, um verdadeiro santiaguense que assumiu quem era e viveu com honra e dedicação a arte.

    * pena que o João tinha que demostrar seu ego, sua insegurança de nunca ser reconhecido, em sua "homenagem".

    ResponderExcluir
  4. Meus sentimentos à família, aos amigos e colegas do Sidi. Paz.

    ResponderExcluir
  5. Poxa!!! Fiquei muito triste com o passamento do artista Sidi do Expresso como era conhecido. No momento que soube da precoce ida ao encontro de Deus, já me pus a rogar ao nosso pai celestial que o receba e que delegue a parte artística ao novo membro do céu. Não era tão Amigo do Sidi mas o respeitava. Consegui conviver com ele por um bom tempo no jornal Expresso e lá enxerguei o altíssimo Espírito que o acompanhava. Descanse em Paz Sidi. Itacir Flores

    ResponderExcluir
  6. Infelizmente esta doença acaba seivando vidas sem nenhum critério ...Meus sentimentos a família e a toda a equipe do expresso por esta perda . A cidade perde mais um artista e maravilhoso ser humano ...Descanse em paz.


    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta