Apoiam este projeto:

terça-feira, 28 de março de 2017

Mais fiscalização aos comerciantes itinerantes

Santiago – A Prefeitura enviará para a Câmara nos próximos dias um projeto de lei que prevê a regulamentação de feiras eventuais itinerantes, que anualmente se estabelecem na cidade e ficam por alguns dias concorrendo diretamente com o comércio estabelecido.

O secretário Éldrio Machado (Gestão) esteve reunido com diretores do Centro Empresarial para apresentar e debater sobre o conteúdo do projeto. "O que se pretende é disciplinar a vinda desse tipo de comércio itinerante que vem de fora e compete com o nosso comércio local, que é gerador de empregos. Queremos é fortalecer a nossa economia", afirmou Éldrio.

Segundo ele, não será feita uma proibição, mas o projeto prevê fiscalização mais intensa e pesadas multas em caso de infrações. Somada a essa iniciativa, está na expectativa também a aprovação do novo Código Tributário Municipal, com vigência a partir de 2018, outro instrumento que vai ajudar a evitar que o dinheiro que circula no município saia daqui.

5 comentários:

  1. TEM MUITA GENTE DE FORA VENDENDO MERCADORIAS DE CASA EM CASA,TODO TIPO DE PRODUTO,ATE RANCHO PRA PAGAR EM 30 DIAS.

    ResponderExcluir
  2. Temos q ter melhor atendimento
    Porq é pesimo aqui em santiago menos a codigo b e algumas +

    ResponderExcluir
  3. os empresarios de santiago sao muito ipocritas canso de ver encherem caminhoes e sairem vender em outras cidades ai pode.

    ResponderExcluir

  4. -Querem acabar com a aposentadoria, não deixam as pessoas trabalharem honestamente. Mas o imposto eles querem.


    VENDER TUMOLOS PODE.

    ResponderExcluir
  5. E porque não criar uma comissão fiscalizadora da Prefeitura de Santiago só de Munícipes não partidários.

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta