Apoiam este projeto:

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Pérolas da Câmara de Santiago

Daer fecha?
O debate ficou em torno do fechamento do Daer em Santiago, Fórum de Desenvolvimento e trânsito. Santiago passaria a pertencer ao Daer de Alegrete, isso se for verdade a conversa  dos vereadores. O Peru (PP) já chora quando fala, aí chorou mais ainda. E com razão. Seria uma grave perda para todos nós.

Caos? Aqui?
Décio (PP) disse que em certos dias o nosso trânsito vira um caos. Ele não sabe o que significa essa palavra. Será que já saiu de Santiago? Outra coisa: quem sabe baixam um decreto para ninguém mais andar de carro?

Saiam da internet!
Já o vereador Rafael (PSD) deu um conselho aos jovens: se afastem da internet, das redes sociais!

É lixo demais!
A dona Eva (PMDB) falou do lixo, que todos devem separar em casa. "Quanto mais mandamos para Santa Maria, mais pagamos", lembra ela. Décio concorda: produzimos lixo sem ter onde colocar.

Convênio com presidiários
Gildo (PP) elogiou o convênio da prefeitura com o presídio, lembrando da oportunidade de recuperação que os presos ganham. Muitos já estão regenerados, disse Gildo. "O cercamento lá no horto foi tudo feito pela mão de ex-presidiários", explicou ele.

Gildo ainda criticou as podas malfeitas em certas ruas.

Dicas à nobreza
Estavam muito lindos todos os discursos, mas aqui damos umas dicas: falem de maneira mais simples, não queiram complicar! E basta dos termos manjados de "em prol", "angariar", "alavancar", "extremamente", "marco importante"... (Se é marco, óbvio que é importante), "a nível dê" (a nível só serve para nivelar).

E "quantia", só vale para valores. Quando for outra coisa qualquer é "quantidade". 

2 comentários:

  1. sobre forum fui ontem apreciar as novidades sobre residuos solidos e ideias, palestrante trouxe dados prontos e representava o governo, ai fica dificl naõ e mesmo?

    ResponderExcluir
  2. Existe o DAER ainda ?

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta