Apoiam este projeto:

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Presos na quarta, soltos na quinta



Santiago – Na noite da última quarta a Polícia Civil e a Brigada desencadearam uma operação contra o tráfico. Houve cinco prisões, apreensões de drogas, armas, dinheiro e outros objetos. Paulo César Ferreira da Cruz (44 anos) e Thamyres da Rosa Cadaval (18 anos) deixaram o presídio no dia seguinte (na quinta). Ele foi preso por posse de arma. Foi arbitrada fiança de 2 mil, mas não foi paga. Já Thamyres caiu por tráfico e posse ilegal de arma. Os dois foram presos em flagrantes.

Os outros três ainda seguem presos. Alexssandro Fonseca dos Santos (Lêndea), 30 anos; Adailson Cavalheiro do Nascimento Júnior (23) e sua mãe Lúcia Altiva da Fonseca (42) foram recolhidos preventivamente por tráfico e associação ao tráfico.
Alexssandro Fonseca dos Santos no momento da prisão.
Lêndea, que já havia sido preso anteriormente, se envolveu numa confusão na tarde de quinta (27) em horário de sol no pátio. Ele foi atingido na cabeça com um golpe de arma artesanal e precisou ir ao pronto-socorro. O confronto acabou com a intervenção dos agentes, que precisaram usar arma com munição não letal. O preso agressor será punido com as medidas administrativas.

2 comentários:

  1. Quem é pra prenderem não prendem

    ResponderExcluir
  2. Em resposta ao amigo ali do último comentário:
    Quem que tem que prender então?? Traficante e ladrão não precisa então??? São meros oprimidos dá sociedade então?? Leva pra casa cuidar.
    Mas vai achar oque fazer pra não fica falando besteira o vivente

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta