Apoiam este projeto:

terça-feira, 15 de agosto de 2017

O homem é um cadáver adiado

(João Lemes)
Quando vi esta foto no Dia Mundial do Meio Ambiente pensei; algo me lembra os famosos tocos pelas calçadas em Santiago, árvores cortadas por causa das suas raízes e que hoje brotam de igual forma. Assim, tiraram a árvore, mas ficou o toco, ou seja, uma árvore com vida por metade. Pior é que ninguém sabe dizer de quem é a obrigação de tirar os tocos. Estranho que para cortar a árvore não faltou gente. Penso que igual a esse toco que insiste me viver, muitos em Santiago insistem em emburrecer!
Bem disse Fernando Pessoa para definir o que somos: "Um cadáver adiado".   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta