Apoiam este projeto:

segunda-feira, 5 de março de 2018

Estado bate recorde na arrecadação

A maior fonte do Estado cresceu 4,1% em 2017 e ultrapassa 3 bilhões no primeiro mês de 2018. O valor recolhido é dividido entre o Estado (75%) e municípios (25%).
O resultado vem de um conjunto de fatores: Depois de dois anos em queda, o Produto Interno Bruto (PIB) – soma de todas as riquezas produzidas no país – cresceu 1% em 2017. Mesmo lenta, a retomada da economia se refletiu no ICMS, assim como o salto no preço dos combustíveis.

Também tem a fiscalização e cobrança da Receita Estadual, que em 2017 recebeu o reforço de 90 novos auditores que apertaram na moleira dos sonegadores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta