Apoiam este projeto:

terça-feira, 22 de maio de 2018

Assim, fica moleza para o Aedes

Santiago está infestada pelo mosquito Aedes aegypti, chegando a 8,6%, considerado risco de surto pelo Ministério da Saúde. O mosquito é o transmissor da dengue, zika vírus e a chikungunya. Uma moradora foi confirmada com a febre chikungunya e mais 12 pacientes aguardam pelo resultado dos exames. Equipes da Prefeitura estão nas ruas verificando e eliminando criadouros do mosquito. 

O alerta da doença fez com que muitos moradores denunciem o desleixe de seus vizinhos. Da rua Pinheiro Machado, o Nova Pauta recebeu duas denúncias de pátios sujos. Um fica ao lado do número 2683, e o outro é o pátio do antigo Supermercado Cotrijuí. O local está tomado pelo matagal e há copos de plástico com água e garrafas, bem como o Aedes gosta.

Multas – Conforme a Prefeitura, os proprietários de locais denunciados serão autuados e devem resolver o problema em até 15 dias. Se não fizer, após o 16º a multa, de R$ 1.110 a R$ 2.220, passa a valer. Se em até 60 dias o pátio ou terreno continuar sujo, o valor da multa dobra.

Está com sintomas da doença?
Ligue para a Secretaria de Saúde: Fone 3249-7600

Quer denunciar pátios sujos/criadouros do mosquito?
Pelo fone 3249-7600 ou e-mail vigiambisantiago@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta