Apoiam este projeto:

segunda-feira, 28 de maio de 2018

Embate entre governo e caminhoneiros continua

O governo cedeu e anunciou corte de 0,46 que equivale à isenção de PIS/Cofins e da Contribuição de Intervenção de Domínio Econômico (Cide) sobre o diesel, que irá vigorar por 60 dias. Depois, os reajustes serão mensais até dezembro.
(foto de Nova Esperança hoje cedo) 

Temer também se comprometeu com a edição de três medidas provisórias (MP). A primeira vai garantir a isenção de pagamento de eixo suspenso de caminhões vazios em pedágios de todo o país, e não só em rodovias federais. A segunda vai garantir uma política de preço mínimo para fretes, nos mesmos termos de um projeto de lei que está no Senado para ser aprovado nos próximos dias.
Agora o governo espera a normalidade nas rodovias e no abastecimento.

Impacto - O ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, disse para a TV Globo “que o impacto das medidas para encerrar a greve dos caminhoneiros é de 9,5 bilhões de reais aos cofres públicos”.

Manifestantes dizem que não vão parar
Na região, seguem os bloqueios em vários pontos, praticamente os mesmos de ontem, informa a Polícia Rodoviária. (foto: em Nova Esperança, crianças se somam ao protestos) 

Em Mata, Nova Esperança e em outras tantas cidades há protestos.
Na capital, vários  postos estão sendo reabastecidos graças à escolta policial.

Em Santiago não há gasolina, nem álcool, nem gás e o lixo já se acumula. 

As escolas estaduais estão sem aula. Nas municipais, a Administração garante até quarta. Caso a situação não se normalize, paralisam também.

Os jornais Zero Hora e Diário de Santa Maria não estão circulando. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta