Apoiam este projeto:

terça-feira, 17 de julho de 2018

Política é sempre política

E os fins seguem justificando os meios. Vejam, Heinze (PP). O candidato ao governo gaúcho andava penando por uma boa imagem frente ao eleitor. Então, fecha com quem? Com um populista de discurso fácil, que há horas lidera as pesquisas. Aliás, lidera com uns 18, 19% de um universo de 40, 50%, no máximo, (que são os votos válidos), já que a rejeição a Bolsonaro (PSL) é enorme.
Hoje, muitos se apaixonam por Bolsonaro porque ele resolve tudo facilmente, até situações mais complexas de economia, educação e segurança e semeia ódio com sua cara debochada. Típico populista. O cara da "autoverdade".
Heinze, que de bobo não tem nada, segue o fluxo. Vamos ver no que esse namoro vai dar.

3 comentários:

  1. Bolsonaro vai surpreender muita gente, inclusive os intelectuais que falam bonito.

    ResponderExcluir
  2. É, infelizmente a politica brasileira chegou num ponto em que por não ter opção, temos que votar em um BOLSONARO que é honesto mas é louco.
    Mas ainda é melhor que um populista LADRÂO e analfabeto como o LULA!!!

    ResponderExcluir
  3. Penso que ausência de conhecimento histórico, aliados ao ódio insano pelos diferentes, como "negros, índios, gays, lésbicas, quilombolas, etc..., oportunizam essa união a qual já nasceu falida. O povo quer paz NÃO guerra. Que adianta armar a população? Nos USA a população anda armada e cada vez morre mais gente. Este pensamento retrógrado só pode existir para aqueles que transmitem o ódio e buscam a vingança. Gente sem fundamento! Vão estudar!!!!!

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta