Apoiam este projeto:

sábado, 17 de novembro de 2018

Ainda bem que nos restou a indignação

 Jaguari - Nem bem o poder público e as empresas colocaram essas lixeiras, as lentes de Simone Marcon fazem esse registro, para o qual, a secretária de Turismo, Heloísa Feliciane escreveu:

"O que leva as pessoas a destruir o que se faz com tanta dificuldade? São muitas pessoas trabalhando para melhorar nossa cidade, deixar mais bonita, organizada para que todos desfrutem e aí vêm uns desocupados e destroem só pelo prazer de destruir. Mas fiquem sabendo que não vamos desistir. Relocaremos tudo no lugar e continuaremos trabalhando até vocês cansarem. Sabem por quê? Eu não canso nunca de fazer o melhor por nossa Jaguari".

3 comentários:

  1. Problema COMEÇOU DENTRO DE CASA, depois a falta de educação e a porcalhice foi fortalecida com "multiplicadores" = gente sem noção, que desvaloriza tudo que vê pela frente, pessoas indiferentes porque nunca foram tratadas com respeito e disciplina dentro da própria casa, que são incompetentes para construir e hábeis para destruir... então, o que é dos outros (e até seu, como cidadão que faz parte da cidade que mora...) não vale nada! Pois um dia ´vão estar mais "adultos" e vão lembrar que foram marginais, delinquentes e que perderam tempo em AJUDAR a própria cidade que os acolhe!!! Bando de imbecis, que sujam o que é seu também...

    ResponderExcluir
  2. NaN possui cameras de segurança no local pra poder identificas esses VANDALOS

    ResponderExcluir



  3. A razão que leva desocupados e ordinários a assim se comportarem é a mesma que incentiva ladrões a praticarem FURTOS caixas eletrônicos em agências bancárias, ou seja, ausência dos guardas do Sartori nas ruas. Compreendam que eles sendo humanos como os demais também precisam DORMIR e nada melhor do que dormir uma BOA NOITE DE SONO, não?

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta