Apoiam este projeto:

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2019

Mesmo com erros de português, a campanha é bem-vinda

São Vicente - Esta é uma bela iniciativa. Nem os erros na grafia e a falta da crase tiraram seu o brilho.

Muitos marcam consultas e não comparecem. Diante disso, a prefeitura fez uma campanha para conscientizar a todos de que o médico não pode ficar à disposição de quem é irresponsável com sua própria saúde, tirando lugar de outros que precisam mais.

Faltar À consulta faz MAL À saúde
ESF Dr. Fernando PAHIM
Exames LABORATORIAIS
Tanto QUANTO
Deixa de ser ATENDIDA

Esse problema linguístico surge na infância devido à pronúncia. Quando dissemos o L, se confunde com o U, por ter sonoridade parecida. Ao “aprender” errado, o vício pode ser carregado por toda a vida adulta. 

Você também troca o “U” pelo “L”?
(por João Lemes) É comum a troca do U pelo L. Todos os dias ouvimos “mal atendimento” em vez de “mau atendimento”; ouvimos “mau-estar” em vez de “mal-estar”; ouvimos “mal humor” em vez de “mau humor” e “mau-humorado” em vez de “mal-humorado”...

Agora surgem umas que não dá para querer:
“frauda” em vez de “fralda”; “fralde” em vez de “fraude”, “saudar dívidas” em vez de “saldar” (de saldo)...

Lembrete - “Mal” é o contrário de "bem" e "mau" é o contrário de "bom". Portanto, devemos escrever “mau humor” (contrário de bom humor) e “mal-estar” - contrário de “bem-estar”.
Por fim, frisamos: quem tem “mau humor” é mal-humorado.

NOTA DE ESCLARECIMENTO!
Vimos através deste justificar a notícia maldosa e politicamente tendenciosa que foi postada no blog Nova Pauta. Foram realizados cartazes com o intuito de conscientizar a população a não faltar mais em consultas, exames dentre outros. Diante disso informamos à população que esta foto foi tirada com o intuito de informar a gráfica os erros. Salientamos que os cartazes não foram liberados justamente por causa dos devidos erros, os mesmos foram devolvidos para a gráfica para que fossem realizadas as correções. (Assessoria da Prefeitura)  

3 comentários:

  1. Em programa na TV Pampa ouvi certa feita um médico que se julga o suprassumo do conhecimento e arrogante como poucos conheci ao longo da vida dizer FRALDA quando pretendia dizer FRAUDA. Foi corrigido pelo Paulo Sergio. Esse cirurgião e criador de bois lá no interior do interior quando eventualmente aparece em tal programa como sempre demonstra sua arrogância.

    ResponderExcluir
  2. Gente a campanha parece bem-vinda mas além dos erros, vale ressaltar que a população procura atendimento e as consultas são marcadas para após 15, 20 dias muitas vezes a pessoa até já melhorou ou pior ao ser atendida pelo médico a consulta dura 1 minuto e encaminhada para exames e mais exames e deve marcar um retorno em 15 dias de novo!
    É NECESSÁRIA UMA VISÃO "MAIS AMPLA" por parte DOS GESTORES!

    ResponderExcluir
  3. NOTA DE ESCLARECIMENTO!
    Vimos através deste justificar a notícia maldosa e politicamente tendenciosa que foi postada no blog Nova Pauta.
    Foram realizados cartazes com o intuito de conscientizar a população a não faltar mais em consultas, exames dentre outros. Diante disso informamos à população que esta foto foi tirada com o intuito de informar a gráfica os erros.
    Salientamos que os cartazes não foram liberados justamente por causa dos devidos erros, os mesmos foram devolvidos para a gráfica para que fossem realizadas as correções.

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta