Apoiam este projeto:

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2019

Reviravolta no caso João Vitor: não foi o menor quem o matou

João Vitor não era o alvo, mas sim o seu padrinho (Ânderson Fortes Cabral -  20 anos) que dormia numa cama ao lado. Autor confesso se apresentou à polícia

Santiago - João Vitor Mendonça Severo, 10 anos, faleceu na manhã de sábado (19) no hospital de Passo Fundo. Ele foi esfaqueado na madrugada de sexta (18), em sua casa, no bairro Nei Pereira. Até então, a suspeita recaía sobre um menor que teria entrado na casa, já que a vítima, mesmo ferida, conseguiu informar as características do possível infrator.

O jovem acusado foi apreendido pela Brigada, negou tudo, mesmo assim, foi autuado por tentativa de homicídio e encaminhado pelo Ministério Público à Case, de Santo Ângelo.

Nesta semana, Mikael Ananias da Silveira (19 anos) confessou o crime e que seu objetivo era matar o adulto que acompanhava João Vitor. Esse "erro" fatal se deu por causa da escuridão.
Mikael já está preso. Ele não tinha antecedentes.
Nesta sexta, 01, a delegada Débora Poltosi e o delegado Guilherme Antunes reuniram a imprensa para esclarecer os rumos da investigação, as quais prosseguem para esclarecer os reais motivos que levaram Mikael a cometer o crime. O que se sabe até agora, é que ele teve um caso amoroso com Paola, mãe de João Vitor, e não aceitava o fim desse relacionamento.

A delegada informou ainda, que na noite do crime, Mikael foi visto por testemunhas nas proximidades da casa da vítima. Na madrugada voltou na intenção de atacar Ânderson, pois, segundo Mikael, ele estaria se relacionando com Paola. Como tinha a chave da casa (já que ele e Paola haviam alugado a casa juntos), foi fácil entrar, porém, errou o alvo, tendo em vista que João Vitor Dormia de bruços.       

A investigação chegou até Mikael e ele confessou o crime em depoimento na Delegacia de São Vicente, sua terra natal, onde morava atualmente. Com a prisão, ele acabou sendo trazido para o presídio de Santiago. 

Quanto ao menor recolhido à Case, ele agora será internado numa unidade terapêutica para desintoxicação, mediante ordem judicial.  A Justiça não informou em que cidade será essa internação, nem o período.

 Clique na imagem e relembre o caso pelo jornal Expresso

Um comentário:

  1. Que baita inteligência as autoridades q cuidavam do caso em,prenderem uma pessoa inocente.
    E agora como vai ficar a cabeça deste jovem, e a família, por mais problemático q fosse n e o culpado

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta