Apoiam este projeto:

quarta-feira, 9 de outubro de 2019

Giro crítico e noticioso

Calor em Santiago
A temperatura deve subir hoje mais do que ontem e chega aos 27°C. De quinta a domingo passará dos 32°C. Domingo à tarde chegam as chuvas com pancadas e ficam a semana toda. Alguns sites marcam rajadas de ventos de até 61km/k entre a madrugada de segunda a madrugada de terça, 15. (Colaboração: Cassal Brum)

A saúde festeja o 
dinheiro das emendas

O governador Eduardo Leite e a secretária Arita Bergmann assinaram os repasses de 127 milhões para hospitais, Apaes e outras entidades de saúde. Ao todo, 176 instituições de 143 municípios serão beneficiadas com recursos federais liberados por emendas parlamentares de deputados e senadores. O valor será aplicado no custeio. A negociação envolveu 42 parlamentares gaúchos, desta legislatura e da anterior, e se divide em 68 milhões via emendas de bancada, R$ 32,6 milhões de emendas de comissão e R$ 27 milhões de emendas individuais.

Na hora da bala, é a emoção 
que age sobre o ser, não a razão
Brasília – Um policial militar que matou a mulher e o amante se entregou à polícia por temer represálias por parte da família das vítimas. O crime aconteceu em Paranaíba, a 422 km de Campo Grande.

PM é assaltado. 
Levaram o carro e a pistola
Pelotas - Um policial militar foi assaltado quando seguia para o trabalho. Ele rendido por dois criminosos armados que exigiram o veículo. Os bandidos fugiram e logo a Brigada começou as buscas e acabaram prendendo dois suspeitos. Com eles, os militares recuperaram o carro e a pistola do PM.

Bolsonaro monta central 
para vigiar redes sociais
O governo montou uma central para identificar “fake news” nas redes sociais. Um grupo de 50  trabalha na Presidência no monitoramento do que viraliza e pode atingir o governo. Sugestões de contra-ataque são repassadas para contas oficiais do palácio no Facebook, no Twitter, no Instagram e no YouTube.

Sem agressividade  
A equipe formada por profissionais de comunicação “monitora” e “toma o pulso” das redes durante todo o dia, mas só responde e se posiciona em temas que o governo considera estar sendo atacado institucionalmente. O objetivo é “dar uma resposta oficial, despida de qualquer agressividade”.

Bolsonaro veta lei que previa 
psicólogos nas escolas públicas
A lei aprovada pelo Congresso e defendida por entidades do setor dava um ano para escolas públicas incluírem serviços de psicologia e de serviço social. O veto do presidente alega “inconstitucionalidade e contrariedade ao interesse público” no projeto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta