Apoiam este projeto:

quarta-feira, 16 de outubro de 2019

Vereador Picoli diz que foi agredido nas costas com uma barra de ferro e que não invadiu lugar nenhum

 Jaguari - Polêmico, alvorotado, mas sempre que pode ele passa na redação do Expresso para uma prosa. Após o episódio de ontem, em que se envolveu numa briga em Jaguari, o vereador do PDT jaguariense veio dar sua versão sobre o episódio.


Em rápidas palavras contou que não invadiu lugar algum, pois trata-se de um bar (público) onde foi para conversar e, na chegada acabou sendo atacado pelo proprietário Jair Pereira. Contou ainda que precisou sair correndo, quando foi atacado por trás com uma barra de ferro (conforme mostrou a este jornalista). Naquele impasse, juntou uma pedra de calçamento e ameaçou jogar no agressor, que só assim parou de persegui-lo e acabou caindo e se machucando a perna.

"Não entendo o porquê da agressão se eu sempre fui seu amigo, cantei no bar dele e ainda o indiquei para receber um título pelo Câmara", lamenta Picoli, avisando que já procurou seus advogados, pois é uma pessoa idosa e que não foi lá puxar briga para acabar sendo agredido pelas costas.

Obs. A redação aguarda que o senhor Jair envie a sua versão dos fatos. Nosso repórter já está à sua procura. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta