Apoiam este projeto:

segunda-feira, 9 de setembro de 2019

Menina com paralisia cerebral morre após ser estuprada em Santa Maria

Santa Maria registrou um dos mais bárbaros crimes da sua história na madrugada de sábado (7). Uma menina de 5 anos morreu após ser vítima de estupro. O crime aconteceu no bairro Diácono João Luiz Pozzobon.

NINGUÉM VIU NADA- Ela sofria de paralisia cerebral e seu berço ficava ao lado da cama da mãe e do padrasto, onde o crime ocorreu. A mãe tomou medicação para asma e o padrasto é surdo de um ouvido, por isso, não viram nem ouviram nada.

A criança chegou a ser levada ao hospital pela mãe, mas não resistiu. A menina teria morrido por asfixia, após o estupro. Ela tinha paralisia cerebral e não conseguiu pedir ajuda. A causa da morte será oficialmente conhecida após o laudo pericial. 

Um rapaz de 18 anos confessou o crime e foi preso. Ele é filho do padastro da criança e eles moravam na mesma casa. Conforme a polícia, o autor não tem antecedentes e também não soube dizer por que fez esse barbarismo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta