Apoiam este projeto:

segunda-feira, 9 de setembro de 2019

Reforma da Previdência pode tirar filantropia de universidades e hospitais

A diretora Michele Beltrão está preocupada.
Caso esta medida passe, a URI sofreria grande abalo. 
Tais entidades são beneficentes, sem fins lucrativos, de assistência social, saúde ou educação

O relator da reforma da Previdência, senador Tasso Jereissati, sugeriu que se acabe com a isenção de contribuição ao INSS de entidades filantrópicas, como hospitais e universidades particulares.

Hoje, em troca dessa isenção, as entidades oferecem atendimentos pelo SUS ou bolsas de estudo e afirmam que o benefício gerado à população supera o valor que seria arrecadado.

Segundo as contas de Jereissati, se essas entidades contribuíssem, a Previdência arrecadaria 60 bilhões em dez anos.
O relatório ainda pode sofrer mudanças até a semana que vem

Um comentário:

  1. Talvez se houvesse transparência na concessão das bolsas . Quem ganha ?

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta