Apoiam este projeto:

terça-feira, 5 de novembro de 2019

Dilma recebe visita da PF em Porto Alegre

A ex-presidente recebeu a Polícia Federal em seu apartamento que foi levar uma intimação para ela prestar depoimento no caso que apura repasses de 40 milhões da JBS a políticos do MDB. A ação faz parte de operação deflagrada por determinação do ministro Edson Fachin, do Supremo. O depoimento da ex-presidente ficou agendado para o final do mês de novembro.

Turma de Calheiros
Na ação, os senadores Renan Calheiros (MDB-AL) e Eduardo Braga(AM), líder do MDB, e o ministro Vital do Rêgo, do Tribunal de Contas da União (TCU), também receberam intimação. Os repasses apurados pela PF teriam sido realizados na campanha eleitoral em 2014.

Um comentário:

  1. Dilma detona Moro por pedido de prisão antes da entrega do pré-sal: abuso de autoridade
    A ex-presidente Dilma Rousseff culpou diretamente o ministro Sergio Moro por seu pedido de prisão, negado pelo STF, na véspera do maior assalto já perpetrado no Brasil; segundo estudo da Associação dos Engenheiros da Petrobrás, a União será lesada em R$ 340 bilhões com a entrega do pré-sal; subordinada a Moro, a PF quis prender Dilma num inquérito em que ela sequer é investigada - https://jcsgarcia.blogspot.com/2019/11/dilma-detona-moro-por-pedido-de-prisao.html

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta