Apoiam este projeto:

terça-feira, 10 de dezembro de 2019

É muita laranja fora do cesto

A existência de um “laranjal” nas eleições de 2018 chamou a atenção. A Polícia Federal investiga 221 laranjas.

No que virou o PSL?
O desvio de dinheiro público usando por candidaturas “laranjas” já rendeu 221 inquéritos, principalmente no PSL, ex-partido do presidente Bolsonaro. (Na foto, Bolsonaro e Bivar, antes da briga) 

Mulheres laranjeiras
As irregularidades ocorreram em 2018, a primeira vez em que as legendas tiveram de repassar 30% dos fundos partidário e eleitoral para mulheres. Há a preocupação de que a prática se repita no ano que vem, quando os partidos devem ter acesso a 3 bi e 800 milhões de fundo eleitoral, mais que o dobro da campanha passada.

Até ministro envolvido
Há suspeitas sobre candidaturas de fachada para irrigar outras campanhas e beneficiar o presidente nacional do PSL, deputado Luciano Bivar e o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antonio, que comandava o partido em Minas.

Obs. Quantos desse partido pregaram moral e agora ou estão fora ou estão sendo alvo de investigação? 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta