Apoiam este projeto:

terça-feira, 24 de dezembro de 2019

Na "ida ou na vinda"?

SANTIAGO - A famosa dona Ida, esposa do comunicador Macir Ribeiro, acaba de assinar ficha no PP de Santiago. Até aqui, tudo bonito. O curioso é que seu esposo foi vereador justamente por um partido contrário, o MDB. Com essa, já vão para uns 8 nomes bem conhecidos que o PP levou para sue ninho eleitoral. Desde o ex-vereador Arlindo Alves, que também era do MDB, muitos foram abraçados pelo partido que comanda a cidade. A pergunta é: quantos mais virão até a eleição de 2020? Desde jeito, o PP deve novamente bater recorde de nomes na câmara. E a nova filiada, se elege? Talvez. Caso não seja na "ida, será na vinda".
 Na foto com a dona Ida, o prefeito Tiago, o vereador Pelé (presidente do PP), a secretária Mara rebelo e o simpatizante César Martins. 

3 comentários:

  1. O PP não fará sete vereadores, de jeito nenhum. Libera meu comentário aí amigo João e depois não digam que não avisei. A oposição, não fosse aquele idiotice ( que eu sempre fui contra)de criar dois blocos, teria, hoje, seis cadeiras; eu prevejo que a oposição fará seis vereadores na hipótese ruim e sete na hipótese boa. A renovação será enorme. Gildo será a grande revelação. O PP nunca esteve tão perto de perder o executivo. Anotem.

    ResponderExcluir
  2. são pessoas que não tem ideologia, querem se eleger e pra isso tem que estar no PP. Se colocarem um macaco com a placa no pescoço"PP", se elege.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. POR faz 13 mil votos se for bem, se pegar alguma.sobra 6 cadeiras.

      Excluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta