Apoiam este projeto:

sexta-feira, 3 de janeiro de 2020

ARTIGO DO DIA

(Enviado pela leitora Ivone Rodrigues de Vargas)

E hoje o dia amanheceu cinzento, o sol está brilhando fraquinho, parece que sabe que Santiago está de luto ou em solidariedade aos que hoje choram.
Impossível não derramar as lágrimas ao se colocar no lugar dessas famílias que perderam seus filhos nesse acidente estupido.

Nós, pais, ensinamos tudo o que podemos aos filhos, mas eles crescem e começam a pensar, caminhar, viver por si e a vida é assim.
E nós, mesmo com todo nosso amor, não podemos mantê-los em uma bolha ou no nosso colo, debaixo dos nossos olhos, eles crescem e criam asas, voam... Só podemos pedir a Deus que voltem para nossos braços em segurança.

E jovens, há os jovens... Eles pensam ser imortais, que nada os atinge, super-heróis. Eu já fui jovem e já pensei assim. Filhos, aprendam isso: a morte não poupa ninguém, ela não escolhe idade, momento, não respeita amores, sonhos.... Então, se cuidem, pensem em nós, seus pais, que quando acontece algo com vocês dói muito, mas muito. Muito mais na gente, nos destroça, vocês são as cordas do nosso coração.

No final de Ano, como todos os dias, muito se fala na palavra empatia. Então vamos colocar em prática o que falamos e todos elevarmos nossas preces, nossas orações a Deus, pedindo conforto para cada uma pessoa dessas famílias destroçadas pela dor da partida, pela dor da separação, pela dor da morte.

Vamos nos despir dos julgamentos, dos achismos, individualismo, egoísmo. Vamos nos vestir de solidariedade, de amor, vamos nos colocarmos no lugar do outro porque podia ter sido com um de nós. Peço a Deus que dê força, coragem para essas famílias seguirem adiante porque quando perdemos alguém que amamos NUNCA MAIS estaremos completos. Todas as minhas orações para essas famílias e amigos.

Meu coração está triste, está apertado de dor e tristeza. Sou mãe e, em breve, serei avó e quando uma perde um filho todas nós perdemos.

2 comentários:

  1. Sou mãe e vó,vivenciei muita coisa,mas como disse uma tia, não existe dor maior do que perder um filho,está nem nome tem.

    ResponderExcluir

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta