Apoiam este projeto:

terça-feira, 11 de fevereiro de 2020

Novo ministro, Rogério Marinho é réu por desvio de dinheiro

De novo o "assombro" 
com servidores fantasmas 
pagos com dinheiro público

Rogério Marinho, o novo ministro do Desenvolvimento Regional, tornou-se réu em uma ação penal, informam Fabio Leite e Fabio Serapião na Crusoé. Marinho é acusado de desviar 149 mil com a nomeação de funcionários fantasmas entre 2005 e 2006, quando era vereador e presidente da Câmara Municipal de Natal (RN). Segundo o MP estadual, o atual ministro pagou com dinheiro da Câmara funcionários que, na verdade, davam expediente numa clínica que prestava atendimento médico a seus eleitores.

HOMEM DAS CONFIANÇAS
Com a boa atuação durante a articulação pela aprovação da reforma da Previdência, o secretário Rogério Marinho ganhou a atenção de Bolsonaro que nomeou o ex-deputado como ministro do Desenvolvimento Regional na vaga de Gustavo Canuto, deslocado para um cargo de segundo escalão.


PUBLICIDADE:
QUER UM DONUTES?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Nova Pauta é um blog noticioso e crítico, portanto sua opinião é sempre bem-vinda. No entanto, seu comentário não será aceito se ele contiver conteúdo de de cunho racista, discriminatório, acusativo ou ofensivo de qualquer natureza contra pessoas e instituições;

E, de preferência, identifique-se. Mantenha o nível, mostre sua inteligência e contribua para um bom debate. Assim, sua crítica será bem recebida pelos leitores se você usar o poder do argumento.

É proibida a reprodução de parte ou do todo desta publicação sem a permissão dos seus autores.

Por fim: TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO LIDOS antes de serem publicados. E isso pode demorar. Portanto, aguarde.

Editores

João Lemes
Éder Alves
Nova Pauta